Quando um colaborador é definido como inativo, nós depositamos créditos pro rata na sua conta que serão consumidos no próximo ciclo de cobrança. Estes créditos não têm valor monetário, não podem ser transferidos e nem devolvidos, e são descartados caso você cancele seu plano pago.

Veja um exemplo:

Vamos supor que você começou o mês com 30 colaboradores e terminou com 29, sendo que este colaborador saiu da empresa faltando 10 dias para o próximo ciclo de cobrança. Nesse caso, pegamos o valor do preço do mês inteiro (R$ 10), dividimos pela quantidade de tempo total do valor (30) e depois multiplicamos pelo tempo em que ele não ficou ativo (10). Ou seja, neste caso são adicionados R$ 3,33 de créditos na conta.

Esses créditos são consumidos assim que houver algum novo valor cobrado, seja por adição de novas pessoas, seja por início de novo ciclo de cobrança.

No fim de cada mês, nós enviaremos um relatório para você detalhando os créditos recebidos e as cobranças adicionais.

Encontrou sua resposta?